18 maio 2009

contra-relógio



Estou no curso que quero e adoro, mas reconheço que há partes menos agradáveis e, este final de mês não pode ser mais ilustrativo.
Há uns quantos passos que os alunos conhecem bem e que alguém decidiu pôr por escrito:

"sabes que estás a tirar arquitectura quando:

- O despertador serve para te avisar que tens de ir dormir;
- Deixas de ficar envergonhado por adormecer nas aulas;
- Sabes a que sabe um tubo de UHU, e a que cheira o esferovite;
- Passas a CELEBRAR espaço e a OBSERVAR o teu aniversário;
- Café e bolos tornam-se instrumentos de trabalho;
- sabes os nomes técnicos para todos os materiais existentes no mercado;
- Julgas ser mesmo possível CRIAR espaço;
- acordas as 7h num fim de semana;
- luz é a tua inspiração;
- Adormeces no WC, ou como te ensinaram, na INSTALAÇÃO SANITÁRIA;
- Consegues ouvir todas as playlists em menos de 48 horas;
- recebes patrocínio de pensos rápidos
- Produzes 80% de papel possivelmente reciclável, e mesmo assim não reciclas;
- Quando tentas comunicar, fazes um loooongooo e chaatooo discurso [ monólogo ];
- Tiras apontamentos com stabylo boss e sublinhas textos com Bic;
- Pequeno Almoço, Almoço, Lanche e Jantar tornam-se numa única refeição;
- Férias não são mais que umas horas de descanso;
- O teu PC tem mais fotos de edifícios do que de pessoas;
- Consegues viver sem contacto humano, luz, comida, t.v. ou musica, mas se não consegues imprimir... é o CAOS!!;
- Quando te mostram fotos de uma viagem, a tua principal preocupação é "Qual é afinal a escala humana?"
- Dominas o Photoshop, o Autocad, os 3D's etc, mas nem uma simples soma em Excel consegues fazer;
- Referes-te aos grandes arquitectos, vivos ou mortos, pelo primeiro nome como se os conhecesses há anos [ ex.: Mies, Frank, Corbu];
- Gastas 60 euros numa Croquis em inglês e espanhol, que nem sequer lês, e criticas a tua mãe por comprar a Maria mais atrevida.

5 comentários:

Inspiração Inesperada disse...

Muito bom mesmo!
Boa semana :)

Patricia S. disse...

Obrigada por passares no meu blogue. Gostei muito do teu, especialmente deste texto! Fez-me lembrar um colega que também está em arquitectura (a terminar). Beijos! :)

Myosotis disse...

Boa Sorte :)

Marta disse...

Já pensei em ir para arquitectura :)

F. disse...

É a definiçã mais perfeita:
"Consegues viver sem contacto humano, luz, comida, t.v. ou musica, mas se não consegues imprimir... é o CAOS!!"